6 Dicas para comprar passagens mais baratas

Seguindo algumas dicas, é possível encontrar opções que caibam no seu orçamento

Viajar gastando pouco é o que todo mundo quer, não é mesmo? E a economia começa na hora de comprar as passagens. Seguindo algumas dicas, é possível encontrar opções que caibam no seu orçamento. O pessoal do blog A Gente Viaja publicou uma série de dicas e separamos algumas para compartilhar com vocês:


1. Limpe os dados do seu computador
Ninguém comprovou isso ainda, mas existe uma teoria de que as companhias conseguem mapear as suas buscas e os preços que lhe foram ofertados a partir dos cookies no seu navegador. A dica aqui é limpar seus cookies para eliminar o histórico de busca, que pode direcionar os preços ofertados pela companhia.

2. Use sites de busca apenas para comparar
O jeito mais rápido de saber quanto as companhias estão cobrando é sempre nos sites de busca que comparam preços, tipo o Decolar, o Melhores Destinos ou o Submarino Viagens. Contudo, na hora de fazer a compra, é melhor entrar na página da companhia se quiser evitar taxas administrativas cobradas pelos motores de busca.

3. Assine newsletters e alertas
É meio chato ficar recebendo newsletters quase diárias de companhias áreas? Sim, é. Mas comprar passagens mais em conta, vale a pena. Outra dica bem legal é assinar alertas em aplicativos para smartphones. O Voopter, por exemplo, avisa quando uma passagem está na faixa de preço que você selecionou. Já o Skyscanner mostra as oscilações de preço para que você escolha a hora de comprar.

4. Prefira as baixas estações
Tente viajar em períodos menos desejados. Viajar nas férias de dezembro, janeiro e julho costuma sair mais caro. Na Europa, agosto também é um mês muito procurado. É importante observar também se haverá grandes eventos ou alguma razão eventual que faça aumentar a procura por determinado destino na época em que você quiser.

5. Fique acordado
Algumas pesquisas feitas por buscadores de passagens apontam que comprar bilhetes durante a semana, especialmente tarde da noite ou pela madrugada, costuma compensar. A noite de terça é apontada como a melhor de todas. Então faça um café e fique acordado para fazer sua busca.

6. Nem muito antes, nem em cima da hora
Comprar com alguma antecedência é melhor do que esperar a oferta de última hora, mas nem tanto. Voos comprados com menos de 14 dias antes das viagem ou mais de seis mess antes da data tendem a ser mais caros. No primeiro caso, porque está em cima da hora. No segundo, porque a tendência é que o preço cobrado seja uma média entre o valor mais caro e uma promoção. Segundo site Geeky Explorer, a janela de melhores preços oscila entre 10 a 14 semanas da data desejada, com melhor indicador em 12 semanas.

 

Mais dicas no A Gente viaja 

Tags: consumo pesquisa de preços qualidade de vida viagens

Veja mais