Retenção de líquido precisa de cuidados profissionais

O problema é mais comum entre mulheres do que em homens


A retenção de líquido nada mais é do que um inchaço no corpo, que ocorre, na maioria das vezes, em áreas como as pernas, braços, rosto — bolsas que se formam abaixo dos olhos — e barriga.

Apesar de parecer simples, o diagnóstico deve ser feito por um médico. O profissional pode solicitar alguns exames de sangue que dosam a quantidade de sais e proteínas, assim como uma avaliação cardíaca, hepática, renal, imunológica e tireoidiana. Às vezes, se faz necessário também realizar exames para avaliar as veias e artérias próximas ao local mais afetado pelo inchaço.

Alguns dos motivos podem levar à retenção de líquidos, são eles: variações de pressão sanguínea regional, quantidade de proteínas no sangue, quantidade de sais disponíveis no corpo, ação da força da gravidade e sedentarismo.

Alguns sintomas de quem pode estar retendo líquido:

  • pés muito inchados a ponto de os sapatos e meias ficarem apertados ao longo ou no fim do dia;
  • pálpebras ou o rosto inchado ao acordar;
  • inchaço assimétrico, mesmo que leve (só uma perna, ou só um braço, por exemplo). É necessário atentar-se para esse sintoma, pois pode ser um sinal de trombose;
  • inchaço no corpo após o uso de um remédio novo pode ser efeito colateral ou reação alérgica provocados pelo medicamento.

A retenção é mais comum entre mulheres do que em homens justamente por conta das alterações hormonais no ciclo menstrual e, mais tarde, na menopausa. O importante é saber a causa desse inchaço por meio de um acompanhamento médico e nutricional. Assim, basta tratá-lo corretamente para ter uma vida saudável.

Tags: qualidade de vida retenção de líquidos saúde

Veja mais